Suplementos de Testosterona

A testosterona é um hormônio essencial para a saúde masculina, mas também é importante para mulheres. Ele desempenha papel crucial na queima de gorduras, ganho de massa muscular e é importante para manter nosso corpo saudável (#1).

O nível de testosterona em homens vem caindo continuamente, principalmente devido ao estilo de vida pouco saudável dos dias atuais (#2, #3).

Suplementos que aumentam a testosterona produzida pelo corpo existem para resolver esse problema. Eles funcionam ajudando o corpo a produzir mais testosterona e outros hormônios naturalmente, e alguns funcionam prevenindo que o corpo transforme a testosterona em estrogênio.

Muitos suplementos de testosterona já tiveram sua eficácia cientificamente compravada. Esta é um lista com 8 suplementos que vão ajudar o seu corpo  a produzir este hormônio naturalmente.

Ácido D-Aspárticosuplemento de ácido d-aspártico

O ácido d-dspártico (também chamado DAA) é um aminoácido natural que pode aumentar os níveis de testosterona. Estudos sugerem que o ácido d-aspártico funciona estimulando a produção dos hormônios folículo-estimulante e luteinizante (#4). Em testes científicos, o hormônio luteinizante fez as células de Leydig aumentar a produção de testosterona.

Estudos iniciais em humanos e animais mostrou que em menos de duas semanas de uso de ácido d-aspártico aumentou a produção de hormônios luteinizantes e também a produção e transporte de testosterona por todo o corpo (#4).

O ácido d-aspártico também pode ajudar a melhorar a saúde a produção de esperma. Em um estudo de três meses de duração, homens com problemas na produção de esperm que tomaram ácido d-aspártico superaram significamente este problema. A contagem de esperma dobrou, passando de 8.2 milhões por ml para 16.5 milhões (#5).

Um outro estudo usou homens atléticos e com produção de testosterona saudáveis. Neste estudo, metade dos homens tomou 3 gramas de ácido d-aspártico por 28 dias. Todos eles fizeram um rotina de treinos pesados. Todos os eles tiveram aumentos consideráveis de massa e força muscular, porém não houve nenhum aumento nos níveis de testosterona no group que tomou ácido d-aspártico (#6).

Esses estudos comprovam que o uso de até 3 gramas de ácido d-aspártico por dia é capaz de aumentar a produção de testosterona em indivíduos que não estão produzindo quantidades suficientes do hormônio, mas este aminoácido não aumenta a produção da testosterona em indivíduos já saudáveis.

O ácido d-aspártico funciona e vai aumentar a produção de testosterona se você está com os níveis produção de testosterona baixo, mas não faz efeito se você é uma pessoa saudável.

Vitamina Dvitamina-d

A Vitamina D é um vitamina produzida na pele quando em contato com a luz solar. Sua forma ativa atua como um hormônio esteróide no corpo.

Uma parte considerável da população urbana possui deficiência de Vitamina D devido à baixa exposição à luz do Sol (#7). Aumentar o consumo de Vitamina D pode aumentar a produção de testosterona e trazer outros benefícios, como melhorar a qualidade do esperma (#8).

Um estudo demonstrou a correlação entre deficiência de Vitamina D e baixa produção de testosterona. Quando os participantes do estudo passaram mais tempo no Sol e tiveram os níveis de Vitamina D aumentados, o mesmo ocorreu com a produção de testosterona (#8).

Num outro estudo com um  ano de duração, dois grupos com 65 homens foram dividos em 2 grupos. Um dos grupos tomou 3300 IU de Vitamina D via suplementação todos os dias. Os níveis de Vitamina D deste grupo dobraram e a produção de testosterona aumentou cerca de 20% (#9).

Para quem tem deficiência de Vitamina D, ficar mais tempo no Sol, consumir alimentos ricos em Vitamina D ou tomar um suplemento de Vitamina D vai aumentar a produção de testosterona naturalmente.

Tribulus Terrestrispara que serve tribulus terrestris

O tribulus é uma planta que é usado a séculos como uma erva medicinal. A maioria dos estudos recentes envolvendo o tribulus terrestris foram feitos em animais e mostraram que ele aumentou o desejo sexual e aumentar os níveis de testosterona.

Um estudo de 90 dias de duração com homens com disfunção erétil mostrou que o tribulus terrestris aumentou os níveis de testosterona em 16% (#10). Porém, um estudo recente com atletas jovens e saudáveis mostrou que o tribulus terrestris não fez efeito algum (#11).

Ou seja, assim como os outros suplementos de testosterona já citados neste artigo, o tribukus terrestris funciona em homens com baixa produção de testosterona, mas não faz efeito algum em o homens saudáveis.

Feno-gregofenogrego

O feno-grego é outro medicamente natural popular usado para aumentar a produção de testosterona. Alguns estudos sugerem que o feno-grego age reduzindo os níveis de enzimas que convertem testosterona em estrogênio. Menos enzimas é igual mais testosterona.

Um estudo recente com oito semanas de duração dividiu 30 universitários em dois grupos com 15 cada. Todos os participantes do estudo fizeram treinos de resistência quatro vezes por semana, mas apenas um dos grupos recebeu suplementação de feno-grego (500 mg por dia).

O grupo que tomou suplemento de feno-grego apresentou um aumento na produção de testostona enquanto que o grupo que não tomou apresentou um pequeno declíneo na produção deste hormônio. O grupo que tomou feno-grego também queimou mais gordura e ganhou mais força que o outro grupo (#12).

Um outro estudo com 60 homens saudáveis com idades entre 25 e 52 anos mostrou que o grupo que tomou feno-grego apresentou um aumento no desejo sexual, melhorou a performance sexual e nos níveis de energia (#13).

Os estudos sugerem que tomar uma suplementação de 500 mg de feno-grego por dia aumenta os níveis de produção de testosterona, além de melhorar a qualidade da vida sexual em geral.

Gengibre

O gengibre é um tempero comum que também foi usado como medicamento natural por vários séculos. Ele é benéfico à saúde, com estudos mostrando que ele pode reduzir inflamações e talvez até aumentar os níveis de testosterona (#14). Diversos estudos em ratos mostraram que o gengibre tem efeitos positivos no aumento da produção de testosterona e aumento da libido (#15, #16, #17).

Em um dos poucos estudos feitos em humanos, suplementação de gengibre diária foi dada a 75 indivíduos inférteis. Depois de três meses, o nível de testosterona nestes indivíduos aumentou 17% e os níveis de hormônios luteinizantes quase dobrou. A qualidade do esperma dos participantes do estudo também melhorou, com um aumento de 16% no número de esperma por ml (#18).

Suplementos de gengibre podem aumentar os níveis de testosterona, libido e contagem de esperma em indivíduos inférteis, mas não há outros estudos disponíveis para que haja um melhor compreensão sobre o tema.

DHEADHEA suplemento

A DHEA (desidroepiandrosterona) é um hormônio que é produzido naturalemente pelo corpo. Ela atua aumentou os níveis de testosterona e controlando os níveis de estrogênio. Devido a esse fato, a DHEA tem se tornado um suplemento popular para aumentar os níveis de testosterona.

De todos os suplementos de testosterona, a DHEA é a que tem as pesquisas mais detalhada e confiáveis. Diversos deles mostram que tomar de 50 a 100 mg de DHEA pode aumentar a produção de testosterona em 20% (#19, #20, #21). Porém, assim como outros estudos com outros suplementos, os resultados não são conclusivos. Estudos que seguiram os mesmos protocolos e a mesma dosagem de DHEA não mostraram nenhum aumento significativo na produção de testosterona (#22, #23, #24).

Por esse motivos, os efeitos da DHEA nos níveis de testosterona não são claros. Assim como outros suplementos desta lista, ela pode funcionar com indivíduos que apresentam uma baixa produção de testosterona, mas os efeitos em pessoas saudáveis ainda não estão claros.

O DHEA pode funcionar para alguns pessoas, mas os resultados dos estudos são contraditórios. O consumo de 100 mg por dia é seguro.

Zincozinco

O zinco é um mineral essencial para o nosso organismo, sendo importante em mais de 100 processos químicos do nosso organismo. Assim como a Vitamina D, há uma correlação entre quantidade de zinco consumida e níveis de testosterona (#25).

Um estudo mostrou que o nível de testosterona em homens saudáveis diminuiu após a diminuição no consumo de alimentos ricos em zinco. Como esperado, os níveis de testosterona voltaram ao normal após esses mesmos homens começarem a tomar um suplemento de zinco (#25).

Uma outra pesquisa mostrou os efeitos da suplementação de zinco em homens inférteis com produção baixa e normal de testosterona. Indivíduos com produção baixa de testosterona apresentaram uma significante melhoria na qualidade dos espermas e nos níveis de testosterona Porém os saudáveis, aqueles com produção normal de testosterona, não apresentaram melhoria alguma (#26).

Em outro estudo envolveu lutadores de wrestler de elite realizando um treino de alta intensidade de quatro semanas. Tomar um suplemento de zinco todos os dias ajudou esses lutadores a reduzir o declínio nos níveis de testosterona (#27).

Suplementos de zinco podem ajudar em dois cenários:

  • aumentar os níveis de testosterona se você tem deficiência de zinco.
  • aumentar os níveis de testosterona se você tem baixos níveis de testosterona.

Suplementos de zinco também podem te ajudar se você sofre para se recuperar de treinos de auto intensidade (28, #29).

Ashwagandhaashwagandha

A ashwagandha é uma erva medicinal indiana usada como um adaptogeno. Adaptogenos ajudam o corpo a superar stress e ansiedade (#30, #31).

Um estudo testou os benefícios da ashwagandha em homens inférteis. Eles receberam 5 gramas por dia por três meses. Os homens neste estudo tiveram aumentos de níveis de testosterona variando entre 10 e 22%. Além disso, 14% das parceiras dos homens que participaram do estudo ficaram grávidas (#32).

Um outro estudo sugere que a ashwagandha além de aumentar os níveis de testosterona significantemente também aumenta a performance física em exercícios, força física e queima de gorduras (#33).

Esses estudos sugerem que a ashwagandha pode ajudar a aumentar os níveis de testosterona em pessoas estressadas possivelmente reduzindo os níveis do hormônio cortisol (o “hormônio do stress”).

Níveis saudáveis de testosterona é essencial para a saúde do corpo

A testosterona é absolutamente essencial para a saúde do nosso organismo e composição do corpo. Há centenas de suplementos de testosterona disponíveis no mercado, mas apenas alguns deles são testados cientificamente.

A maioria desses suplementos fará efeitos apenas em indíviduos que possuam algum problema de infertilidade ou baixo níveis de testosterona. Se você é saudável, suplementos de testosterona não farão efeito algum.

Caso você tenha algum problema com níveis baixos de testosterona (procure um médico especialista) e quer usar um suplemento para aumentar o seu ganho de massa muscular e queima de gorduras, recomendamos tomar suplementos que possuam mais de um dos itens listados neste artigo.

 

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *