Espinheira santa – Para que serve, como preparar e contraindicações

A espinheira santa (Maytenus ilicifolia) é uma planta medicinal de pequeno porte muito presente na região sul do Brasil. Suas folhas possuem espinhos e suas flores são brancas, atinge aproximadamente 5 metros e por possui pares de espinhos em suas folhas leva esse nome popular “espinheira santa” por ser considerada um “santo remédio”.

Em algumas regiões também é conhecida por outros nomes populares como espinheira-divina, erva-cancerosa, cancorosa-de-sete-espinhos, espinho-de-deus, limãozinho, salva-vidas, sombra-de-touro entre outros.

flor de espinheira santa

Espinheira santa (Maytenus ilicifolia)

Neste artigo, iremos falar mais sobre seus benefícios, para que ela serve e como prepara-lá.

Para que serve a espinheira santa

A espinheira santa é muito utilizada para tratar problemas gastrointestinais, tais como a gastrite, úlcera, gases, azia e queimação. Também possui atividade antimicrobiana e propriedades diuréticas que auxiliam no combate à retenção de líquidos. Externamente, outro uso comum é como cicatrizante, tonificante e antisséptico.

Resumidamente, as principais indicações da espinheira santa:

  • Gastrite crônica;
  • Gases;
  • Fermentações gastrintestinal;
  • Doenças da pele (acne, eczema, eczemas, ulcerações, herpes, afecção pruriginosas);
  • Moléstias do estômago;
  • Úlceras pépticas;
  • Males hepáticos e renais;
  • Azia;
  • Vômitos e digestão;
  • Irritações estomacais;
  • Atonia gástrica;
  • Hiperacidez;
  • Gastralgias;
  • Inflamação;
  • Vômitos.

Espinheira santa emagrece?

Por ser uma planta diurética está associada com o emagrecimento. Isso porque, auxilia na retenção de liquido. Com a digestão funcionando bem e adequadamente, o corpo não acumula gordura, pois aumenta a capacidade de eliminar tudo que é desnecessário. Então, podemos dizer que a espinheira santa pode sim te ajudar a emagrecer.

Como fazer o Chá

As partes utilizadas da espinheira santa podem ser as folhas, cascas e raízes (preparado por decocção).

Preparo por infusão: Aqueça a água até o ponto de fervura e adicione 3 colheres (sopa) de folhas secas picadas ou 12 folhas frescas grandes em 1 litro de água. Deixe de repouso por 5 minutos, de preferência tampada.

Preparo por decocção: Adicione 30g de cascas ou raízes em ½ litro de água. Ferver por aproximadamente 5 minutos.

Preparo para compressas: ferva 10 folhas em ½ litro de água. Deixe esfriar e aplique topicamente nas feridas.

Contraindicações

O chá de espinheira santa é contraindicado para grávidas e para mulheres que desejam engravidar. Estudos mostram resultados de interferência na parede uterina, dificultando a aderência do embrião. Também não deve ser consumido por crianças e lactantes.

 

 

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (2 votes, average: 4,00 out of 5)
Loading...

Leave a Reply